Valuation do Nubank pode chegar a US$ 100 bilhões com captação de IPO

Com os rumores cada vez mais fortes do pedido de IPO para esse ano, o Valuation do Nubank pode chegar a US$ 100 bilhões dependendo do montante captado na abertura dos ativos na Bolsa de Nova York. A estimativa é conseguir levantar pelo menos US$ 3 bilhões na estreia. 

Segundo a apuração do Pipeline, veículo do grupo Globo, a captação de recursos com oferta primária tem previsão de arrecadar entre US$ 3 a 55 bilhões.

Esses números, considerados extremamente ambiciosos para o mercado brasileiro, significariam a junção de instituições financeiras como Banco do Brasil e Itaú em um único papel. Ou então, a somatória do Santander e do Bradesco em um mesmo ativo. 

A oferta, que atualmente vem sendo coordenada pelos bancos Citi, Goldman Sachs e Morgan Stanley, utilizam critérios extremamente competitivos para atraírem investidores adequados para a oferta, de olho no aumento do Valuation do Nubank. 

Impacto do Valuation do Nubank no mercado

Mesmo fazendo os preparativos para a estreia do IPO em terras americanas, fontes internas da empresa deram algumas declarações à imprensa onde consideram que essa deve ser a “maior oferta de IPO de todos os tempos”. 

A expectativa da fintech é a de conseguir emplacar no mercado financeiro atual mostrando sua força e o grande impacto financeiro que vem exercendo na vida dos consumidores, espalhados entre Brasil, México, Argentina e Colômbia. 

No Brasil, por exemplo, somente a base do Nubank é composta por mais de 40 milhões de pessoas. Se levar em conta os clientes da Easynvest, corretora de valores adquirida pela empresa, conhecida no mercado atual como Nu Invest, são mais 1,5 milhões de usuários. 

Mesmo com grandes expectativas iniciais, a empresa ainda não definiu qual será a faixa indicativa do preço por ação. Por isso, o Valuation do Nubank e sua captação só poderão ser realizadas posteriormente. 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo