Prêmios do Tesouro Direto contam com leve queda nesta manhã

Na manhã desta quarta-feira (11), os prêmios do Tesouro Direto contaram com leve alta na cotação e no pagamento das aplicações, principalmente os títulos relacionados à taxas pré-fixadas e vinculadas ao IPCA.

Entre os maiores destaques, os títulos prefixados com vencimento em 2026 podiam ser encontrados com pagamentos em 9,42%%, representando queda de 0,4% em relação ao valor do dia anterior. Enquanto isso, os pagamentos de juros semestrais tiveram recuo de 10,04% para 10,01%.

Enquanto isso, os produtos financeiros vinculados à inflação (IPCA) também sofreram com o impacto do cenário atual. O Tesouro IPCA+ 2035 e 2045, por exemplo, poderiam ser adquiridos na casa dos 4,46%, enquanto no dia anterior estavam sendo negociados em até 4,52%.

Prêmios do Tesouro Direto seguem instáveis

Por conta de todas as notícias sobre o cenário político e econômico na semana, os prêmios do Tesouro Direto estão passando por forte turbulência. A tendência é que os valores sigam em oscilação até meados da semana que vem.

Porém, com o aumento da taxa Selic em 5,25% os títulos de longo prazo vinculados à inflação, por exemplo, tiveram alta significativa no pagamento dos prêmios, atraindo mais a atenção dos investidores que já pensam em aposentadoria para o período. 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo