Juro real chega a sua maior marca em três anos

Diante da alta da taxa Selic e das oportunidades de mercado, principalmente relacionadas à renda fixa, o juro real segue sendo um dos maiores dos últimos três anos. De acordo com o Valor Data, o montante de 2021 já alcança o percentual de 3,61%.

Além de ser o maior número registrado desde outubro de 2018, a expectativa do mercado é de que esse número continue crescendo, principalmente por conta da influência do possível aumento da taxa Selic até dezembro e o IPCA que deve continuar subindo pelo menos, 0,5%.

Entenda melhor o aumento do juro real no mercado

A disparada veio bastante impulsionada pelo crescimento dos juros futuros na semana anterior. De acordo com especialistas do mercado, a percepção de uma deterioração na política, fez com que o cenário financeiro tivesse uma leve modificação. 

De acordo com o Boletim Focus, folhetim informativo do Banco Central (BC) com divulgação semanal, se as estimativas do mercado continuarem corretas e a taxa Selic terminar em 7,5% até o final do ano, a ideia é a de que o juro básico suba ainda mais. 

Isso pode acontecer, principalmente por conta da deterioração nas expectativas inflacionárias de médio e longo prazo para o país.

Além disso, é necessário considerar o próximo ciclo em 2022 que deve ser bastante conflitante neste mercado, já que as eleições para a Presidência da República podem movimentar ainda mais esse mercado. 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo